Fator Pulmo-COR®

Medicamento Homeopático Complementar para Tratamento de Insuficiência Cardíaca, Tosse, Edema Pulmonar e Consequências em Cães e Gatos
  • Este produto não é vendido pelo site, havendo interesse preencha o formulário abaixo que nosso departamento comercial entrará em contato para orientação de compra.

  • Nós entraremos em contato o mais breve possível.

INFORMAÇÕES SOBRE O FATOR PULMO-COR®
O FATOR PULMO-COR® é elaborado de acordo com as Normas da Farmacopéia Homeopática, a qual é estritamente seguida pelo Laboratório Veterinário Homeopático Fauna & Flora Arenales, não apresentando risco de intoxicação para a pessoa que irá manipulá-lo e nem para os animais que entrarão em contato com o produto.Atende as boas normas de fabricação e qualidade dos medicamentos de uso veterinário.
O FATOR PULMO-COR® possui como veículo sacarose, contendo nosódios dinamizados.

INDICAÇÕES
O FATOR PULMO-COR® é indicado como medicamento homeopático complementar para o tratamento de Insuficiência Cardíaca, Dilatação Cardíaca, Hipertrofia Cardíaca, Frêmito (sopro cardíaco), Disritmias, Taquicardia e suas consequências pulmonares como: Congestão com Edema, Edema Pulmonar, Inflamação Pulmonar e Tosses Cardíacas.

CASOS CLÍNICOS

Caso clínico 1:
Canino, macho, Labrador, 11 anos

Abril/2010
Queixa: tosse, cansaço ao menor esforço e inapetência. Realizado Eletrocardiograma.
Conclusão: Arritimia Sinusal
Taquicardia Ventricular Prematura Polimórfica frequente (isoladas e pareadas);
Contração Atrial Prematura rara;
Sugestivo de Sobrecarga Ventricular.

Medicação : FATOR PULMO-COR®, 5 glóbulos, 6 vezes ao dia, 90 dias. Posteriormente, 4 vezes ao dia.
Medicações auxiliares: FATOR ECTO CÃO® (controle de carrapatos), FATOR P&P ANIMAL® oral (controle de pulgas), FATOR PRO IMUNE PET® (aumento de imunidade e melhoria da pelagem).

Agosto/2010: sem queixas de tosse, mínimo cansaço ao esforço e apetite normal. Paciente monitorado eletrocardiograficamente durante 10 minutos.
Conclusão: presença de contrações ventriculares prematuras frequentes durante o período de registro. Mantido mesmo tratamento.

Dezembro/2010
Tosse quando se movimenta, às vezes a noite, estado geral bom, pelagem boa, discreta catarata, sem otite;
Eletrocardiograma: Sobrecarga Ventricular;
Ecocardiograma: Insuficiência Valvar Mitral - grau mínimo. Uso Contínuo do FATOR PULMO-COR®

Caso clínico 2: 
Canino, fêmea, S.R.D., 9 anos 

Outubro/2011
Queixa: tosse que aumenta quando se exercita, ao caminhar em casa, mesmo em repouso. A noite piora a tosse.
Ao exame físico apresenta Sopro (Frêmito) importante, estertor pulmonar marcante, além de trazer um Raio X com diversas espondiloses, calcificações de discos intervertebrais e presença de artroses. Realizado exames complementares no mesmo dia.
Ecocardiograma: Insuficiencia Valvar Mitral, degeneração importante da Válvula Mitral; Eletrocardiograma: Arritmia Sinusal.

Medicação : FATOR PULMO-COR®, 5 glóbulos, 6 vezes ao dia.
Medicações auxiliares: FATOR ECTO CÃO® (controle de carrapatos), FATOR P&P ANIMAL® oral (controle de pulgas), FATOR DIARTRO® e FATOR ATLEQUI® (controle do quadro de espondilose, artrose e dor).

Novembro/2011: paciente com mínima presença de tosse, dorme bem a noite, caminha na rua apenas para satisfazer necessidades fisiológicas. Repouso.
À auscultação o Sopro está moderado e estertor pulmonar reduzido. Mantido o tratamento.

Janeiro/2012
Sem dor em coluna, brinca e se movimenta bem pela casa e quintal. Caminha na rua apenas nas horas frescas lentamente e pouco.
À auscultação o Sopro é discreto e sem estertor pulmonar, a função cardíaca é compatível com as atividades da senilidade. Apresenta melhor qualidade de vida.

Medicação: FATOR PULMO-COR®, 5 glóbulos, 4 vezes ao dia. USO CONTÍNUO.
Medicações auxiliares: FATOR ECTO CÃO® (controle de carrapatos), FATOR P&P ANIMAL® oral (controle de pulgas), FATOR DIARTRO® e FATOR ATLEQUI® (controle do quadro de espondilose, artrose e dor). USO CONTINUO.
Ecocardiograma: Insuficiência Valvar Mitral - grau moderado.
Eletrocardiograma: Arritmia Sinusal, com marcapasso migratório.

RESULTADO
O FATOR PULMO-COR® promove uma gradativa reabsorção do edema pulmonar e regularização do ritmo cardíaco. Desta forma os sintomas secundários como tosse, cansaço, animal ofegante e frêmito estarão reduzidos, levando a um bem estar e disposição pelo conforto do paciente e pela qualidade de vida adquirida.
Manter atividade físicas moderadas e sempre nas horas mais frescas do dia.

PRAZO DE VALIDADE
O FATOR PULMO-COR® possui validade de 2 (dois) anos a partir da data de fabricação.

APRESENTAÇÃO
Frascos contendo 26 g do FATOR PULMO-COR®.

Produto cadastrado no Ministério da Agricultura sob no 131-SP/11 em 27/10/2011.

Administrar o FATOR PULMO-COR® por via oral.

Dose recomendada:

CÃES E GATOS (qualquer raça e porte)
Em casos agudos: Dar 5 (cinco) glóbulos, 4 - 6 vezes ao dia, durante 90 dias, conforme a intensidade da tosse, sintomas cardíacos e sofrimento do animal. Consulte o Médico Veterinário.
Posteriormente dar 5 (cinco) glóbulos, 3 – 4 vezes ao dia. Uso contínuo, conforme a recomendação do Médico Veterinário.

Em casos crônicos: Dar 5 (cinco) glóbulos, 2 - 4 vezes ao dia, conforme a intensidade dos sintomas cardíacos, ausência de tosse e qualidade de vida do animal. Uso contínuo, conforme recomendação do Médico Veterinário.

Havendo qualquer dificuldade em calcular a dose, contatar nosso departamento técnico, info@arenales.com.br ou (18) 3909-9090.

Responsável Técnica 
Maria do Carmo Arenales CRMV – SP 3101

Laboratório Fabricante e Proprietário
Laboratório Veterinário Homeopático Fauna e Flora Arenales Ltda
Rua:  Maurílio Fernandes, 141
Dist. Ind. Ana Jacinta
CEP: 19064-190 – Presidente Prudente – SP 
Fone/Fax: (18) 3909-9090
CNPJ(MF): 02.556.428/0001-40 -  IE. 562.238.478.110

Licenciado no Ministério da Agricultura sob o nº SP 000020-5 em 02/01/2015

O Laboratório Veterinário Homeopático Fauna e Flora Arenales utiliza, na produção de seus Fatores® Homeopáticos, apenas sacarose ou frutose.

Caninos e felinos ao serem medicados recebem por dia entre 0,2 a 1,0 gramas destas substâncias em forma de glóbulos, o que segundo a literatura não representa risco a espécie, pois são metabolizados como nutrientes (Galhardi.; C.M.) e a quantidade ingerida é insignificante perante ao peso corporal destes animais. Nossas matérias primas são provenientes de fontes confiáveis e com qualidade comprovada.

O mesmo se aplica as demais espécies que consomem entre 3-5 gramas/dia, de sacarose(pó) ou frutose(polpa).

Contudo, desaconselha-se utilização de álcool para medicar quaisquer espécies de animais, considerando o dano que o mesmo pode causar.

Nossas formulações estão dentro das normas da Farmacopéia Homeopática Brasileira, sejam em sacarose, frutose ou glóbulos, obedecendo sempre às normas de Boas Práticas de Produção e Garantia de Qualidade.

Referências:

Farmacopéia Homeopática Brasileira 3ºed. 2011.

Manual de Normas Técnicas para Farmácia Homeopática 3ºed. ABFH 2003.

Avaliações

Avaliação Geral

Conte aos outros clientes para ajudar na decisão de compra deles.

1 avaliação
100%
Veterinária
Avaliado por Karla (Enviado em 03/10/2017)

Como você avalia este produto? * Selecione o seu nível de satisfação pela quantidade de estrelas abaixo

Escolha a Classificação
  • Olá, que bom ver você por aqui 🙂

    18:37

  • Quer um contato mais rápido?

    18:37

  • Digite seu nome abaixo e vamos conversar.

    18:37

1